×

Este website utiliza cookies. Ao utilizar este website, você está aceitando nossa Política de Privacidade.

Detecção de alérgenos alimentares

20th December 2019

Detecção de alérgenos alimentaresAs alergias alimentares são consideradas reações imunológicas a certos alimentos cuja resposta não é proporcional à quantidade de alimento ingerido. A reação de hipersensibilidade é observada logo após a ingestão em indivíduos suscetíveis. Podem ocorrer desde sintomas leves, como irritação leve da pele ou mucosas, até sintomas graves, como inflamação do trato respiratório e sistema cardiovascular, sendo o choque anafilático o caso mais grave.

De acordo com a FDA (Administração de Medicamentos e Alimentos dos Estados Unidos), são classificados como "principais alérgenos alimentares" os ingredientes ou proteínas derivadas dos ingredientes agrupados nas seguintes categorias:

Leite, ovo, peixe, mariscos, crustáceos, castanhas, trigo, amendoim e soja. Eles são responsáveis por 90% de todas as alergias alimentares nos EUA. A classificação dos alérgenos prioritários pode variar em diferentes países, mas em geral esses oito são incluídos de acordo com as recomendações da Comissão do Codex Alimentarius da OMS-FAO.

Certos alimentos que não contêm ingredientes nesses grupos podem entrar em contato com seus alérgenos por contaminação cruzada durante o processo de produção ou embalagem. Pelo contrário, certos ingredientes derivados de alimentos alergênicos podem, devido ao seu processamento, perder seu potencial antigênico. 

A legislação de vários países exige que os produtos embalados contendo os alérgenos definidos o declarem em seus rótulos. Para cumprir essas estruturas regulatórias, é de grande importância ter um método analítico que permita a detecção confiável de alérgenos.

A detecção e quantificação de alérgenos nos alimentos é um grande desafio, pois normalmente o mesmo alimento pode ter diferentes proteínas alergênicas. Da mesma forma, a matriz alimentar pode interferir na detecção do alérgeno. Os métodos de ELISA são, até o momento, os mais confiáveis para a detecção e quantificação de alérgenos alimentares. Normalmente, eles contêm anticorpos policlonais contra uma proteína específica ou contra um extrato alimentar.

Existem também ensaios de Western blot para a detecção de proteínas alergênicas. Estão em desenvolvimento métodos analíticos baseados em PCR que detectam DNA de proteínas alergênicas ou sequências específicas que permitem distinguir as espécies do organismo de origem, bem como métodos baseados em espectrometria de massa para a detecção de certas proteínas.

Em FUJIFILM Wako, oferecemos diferentes alternativas que permitem detectar de maneira rápida e confiável a presença de alérgenos alimentares. Nossos produtos são da mais alta qualidade e atendem aos rígidos critérios da regulamentação japonesa.

Nossa linha de produtos FASTKIT Slim usa o método ELISA de forma qualitativa. Consiste em tiras de teste que permitem detectar a presença de alérgenos em cerca de 15 minutos e permitem analisar amostras de alimentos ou de superfície. Esses testes são amplamente utilizados na indústria para monitorar a limpeza adequada dos equipamentos utilizados durante o processamento ou embalagem de alimentos, para evitar a contaminação cruzada.

Os resultados são interpretados de maneira simples, uma vez que as faixas têm duas linhas que se tornarão visíveis: o controle e a área de teste.

Alguns dos produtos disponíveis são:

FASTKIT Slim Amendoim (308-88271)

FASTKIT Slim Leite (307-88241)

FASTKIT Slim Ovo (300-88231)

Se você estiver interessado em qualquer um dos reagentes mencionados neste artigo, Contate-nos Aqui.

Bibliografia:

  1. Taylor, S. L., & Baumert, J. L. (2015). Worldwide food allergy labeling and detection of allergens in processed foods. In Food allergy: Molecular basis and clinical practice (Vol. 101, pp. 227-234). Karger Publishers.
  2. Threshold Working Group. (2008). Approaches to establish thresholds for major food allergens and for gluten in food. Journal of Food Protection, 71(5), 1043-1088.

Por: Adriana Clegg Em: Produtos Wako