×

Este website utiliza cookies. Ao utilizar este website, você está aceitando nossa Política de Privacidade.

Comprar reagentes químicos para laboratórios de biologia molecular

10th March 2015

Comprar reagentes químicos para laboratórios de biologia molecularNos laboratórios onde são feitas pesquisas relacionados à Biologia Molecular é necessário fazer a compra de muitos reagentes químicos. Todas as técnicas de análises de proteínas, e de outras moléculas que são objeto de estudo precisam de diversos reagentes como são os solventes, os corantes, reagentes fluorescentes, entre outros. Na América Latina, várias empresas distribuem reagentes, com destaque para a empresa Wako, por ser também fabricante de muitos dos reagentes oferecidos e contar com vários produtos exclusivos, muito úteis em pesquisas.

Ao se fazer uma busca no Google e em outros sites de busca da internet, logo na primeira página aparecem pelo menos três resultados correspondentes à Wako Latinoamérica, o que demonstra a importância da empresa. Outras empresas que se encontram bem posicionadas são apenas representantes de empresas diferentes que embora possam ter a mesma seriedade e qualidade de seus produtos, talvez não possam atender as necessidades dos laboratórios tão eficazmente quanto às companhias fabricantes de reagentes. Em outros casos, trata-se de empresas cuja linha de produtos está focada em uma técnica em particular e não cobrem os reagentes e kits utilizados em técnicas muito frequentes nos laboratórios de Biologia Molecular.

Uma das principais vantagens da empresa Wako é que ela realiza também pesquisas e desenvolvimento de produtos, que é o que nos permite encontrar em seus catálogos produtos exclusivos, úteis nos temas de pesquisas atuais. Estes produtos têm se desenvolvido segundo as necessidades dos pesquisadores e com foco no futuro, para suprir as necessidades dos projetos que vão surgindo no campo da Biologia Molecular e outros ramos relacionados com a Biomedicina. Além disso, novas tecnologias são desenvolvidas, que permitem aproveitar os reagentes que a empresa comercializa de maneira mais eficaz.

Entre as especialidades da Wako se encontram os testes Elisa e os reagentes para Western Blot, que são as técnicas mais comuns usadas nos laboratórios onde os temas de Biologia Molecular são pesquisados. São muitos os estudos realizados com reagentes da Wako que aparecem publicados em revistas internacionais. O uso de alguns reagentes que a Wako oferece será visto a seguir, para mostrar a importância de contar com reagentes de qualidade e realizar as pesquisas científicas.

VA-044:

O 2,2'–azo bis [2- (2-imidazolin-2-il) propano] dihidrocloruro) que aparece nos catálogos da Wako como VA-044 é utilizado na técnica de eletroforese em gel de poliacrilamida como um iniciador. Suas principais vantagens são sua solubilidade em água, que não contém grupos nitrila e que se descompõe em baixas temperaturas, por isso é capaz de iniciar a reação acima dos 37° C. Uma das aplicações que mais se destaca é a técnica chamada CLARITY, utilizada principalmente para a análise de tecidos cerebrais. Com esta técnica se consegue que os tecidos fiquem transparentes ao se juntarem com um hidrogel de acrilamida, o que permite o estudo através da imagem da estrutura das proteínas que formam o tecido. A técnica CLARITY tem sido útil nos estudos de doenças como o Alzheimer. Com este método se consegue deixar órgãos inteiros transparentes como os pulmões, o fígado, os rins ou o pâncreas. Dessa forma, o VA-044 é o iniciador preferido pelos pesquisadores para desenvolver a técnicas CLARITY.

Goldman™:

As nano partículas de óxido ferroso e ouro Goldman™, Nanopartículas Magnéticas de Ouro/óxido de ferro, são usadas para conseguir que as diferentes biomoléculas, objetos de estudo, adquiram magnetismo ao juntar-se a elas. Uma vez unida a biomolécula à nanopartícula, pode-se aplicar um campo magnético e desenvolver processos como a transdução intracelular. Com este método se consegue estudar receptores intracelulares e desenvolver reações que não poderiam ocorrer com moléculas que não são capazes de atravessar a membrana celular por si mesmas e, sem dúvida, formando um complexo com as nanopartículas magnéticas GoldMAN pode-se fazer isso. Isto permite a purificação e separação magnética das células que expressam um determinado gene ou a transferência de genes para células que precisem de receptores para um vírus. Estas nanopartículas não apresentam citotoxicidade, podendo ser utilizadas com vários tipos de células.

pEBMulti:

O vetor de expressão genética pEBMulti é outro exemplo de reagente muito eficaz, além de suas aplicações em estudos de linhas celulares que provêm de primatas, pode-se utilizar com as células de outros mamíferos como são as células caninas ou humanas. Seu uso permite melhor aproveitamento do tempo investido em cada experimento, uma vez que atinge a estabilização do cultivo célula em menos tempo que outros reagentes usados com a mesma finalidade. Recentemente, o pEBMULTI também tem sido utilizado na transfecção de fatores para induzir células humanas pluripotenciais.

Entre os produtos de parceiros que a Wako distribui estão o Evrogen ou BioChain® que também são úteis em pesquisas de Biologia Molecular. Por exemplo, Evrogen conta com os vetores de expressão de proteínas fluorescentes básicas, chamados TagFPs. Os TagFPs são sete proteínas monoméricas fluorescentes cujos espectros de emissão cobrem um alcance do espectro e permitem realizar a marcação de proteínas que se encontram em uma mesma célula em diferentes cores. Estes vetores de expressão têm demonstrado êxito em fusões com proteínas celulares variadas e podem ser expressas em diversos sistemas com bons resultados. A empresa BioChain® de sua parte desenvolve kits para bioensaios que requerem pouca otimização do experimento e apresentam grande qualidade.

Bibliografia:

  1. Lee H, Park JH, Seo I, Park SH, Kim S., BMC Dev Biol., 14, 48, 2014
  2. Kamei, K., et al., Biomaterials. 2009 Mar;30(9):1809-14.
  3. Tomizawa, M., Shinozaki, F., Motoyoshi, Y., Sugiyama, T., Yamamoto, S., Sueishi, M., Tissue Eng Part A. 2014 Dec;20(23-24):3154-62.

OUTROS REAGENTES PARA BIOLOGIA CELULAR E VEGETAL

Sericina Bialophos sal de sódio Dicamba
Sericina Bialophos sal de sódio Dicamba

Lisa.jpg
Por: Lisa Komski Em: Produtos Wako