×

Este website utiliza cookies. Ao utilizar este website, você está aceitando nossa Política de Privacidade.

4 sistemas úteis na pesquisa de proteínas

8th September 2015

4 sistemas úteis na pesquisa de proteínasNos laboratórios de pesquisa de Biotecnologia, biologia molecular, Microbiologia e qualquer outro ramo biomédico, as moléculas protagonistas dos estudos são, na maioria dos casos, proteínas, já que são as estruturas químicas que permitem que ocorram os processos vitais. As proteínas agem como enzimas, receptores, reagentes ou qualquer outra função nos organismos vivos, por isso é tão comum que sejam objeto de estudo. Wako desenvolveu sistemas, que descreveremos a seguir, para facilitar a síntese e purificação de proteínas.

VER TAMBÉM: 6 reagentes úteis para a marcação de proteínas

1. Sistema de síntese in vitro de proteínas WakoPURE

O sistema WakoPURE, para a síntese e purificação de proteínas é um kit que contém por volta de 30 enzimas necessárias para a síntese de proteínas e, exceto os ribossomos, todos os componentes se encontram marcados com hexahistidina no carbono ou no nitrogênio terminal. Esta tecnologia para a síntese e purificação de proteínas foi feita a partir de fatores de translação expressos no Escherichia coli. Uma vez sintetizada a proteína, esta se purifica, separando-a dos ribossomos por ultrafiltração e, mediante uma resina de afinidade, todos os fatores marcados com histidina são separados.

As vantagens do uso deste novo sistema para a síntese de proteínas estão baseadas no fato de que não é necessário o uso de marcadores, já que todos os fatores de transcrição já estão marcados e, uma vez sintetizada a proteína, é fácil de purificar. Todo o procedimento pode ser realizado em menos de três horas, por isso a economia de tempo é considerável se comparada com outros sistemas de síntese de proteínas. O processo é realizado em três passos: a síntese, a cromatografia de afinidade e a ultrafiltração, sendo necessários apenas alguns minutos para a manipulação e duas horas para a incubação e purificação.

2. Quick-CBB PLUS, gel de coloração para a técnica de eletroforese bidimensional em gel SDS-PAGE

Quick-CBB PLUS contém um kit para a coloração rápida e simples das proteínas que serão separadas mediante a eletroforese em gel de poliacrilamida. Em comparação com o procedimento convencional QuickCBB, este sistema tem como vantagem não necessitar de procedimentos de fixação e nem de solventes orgânicos, como o ácido acético ou metanol. Além disso, como todos os reagentes já estão misturados, não há necessidade de se realizar nenhuma mistura, somente lavando duas vezes com o gel para lavagem, em água desionizada, a coloração acrescentada ao QuickCBB PLUS e por fim, se lava o gel com água desionizada.

3. Kits de coloração com prata (Silver Stain MS Kit y Negative Gel Stain MS Kit) para a pesquisa em proteômica

O Silver Stain MS Kit se utiliza para a sequenciação por Espectrometria de Massas das proteínas separadas por eletroforese em gel de poliacrilamida. Graças ao processo de coloração com prata, muito raramente a proteína é modificada quimicamente, a não ser que seja necessária a etapa do tratamento com glutaraldeído, e pode ser detectada em quantidades tão pequenas como nanogramos de proteínas.

No caso do Kit Negative Gel Stain MS as bandas de proteínas, que podem ficar mascaradas pela cor leitosa que contém o reagente de tingimento com imidazol, podem ser detectadas. Este kit contém outro derivado de imidazol, que permite a identificação das bandas, ao serem observadas de maneira clara, durante um mínimo de 10 minutos. Isto permite a purificação da proteína quando é necessário realizar esse processo.

4. Matriz ultrapura para a análise proteômica por MALDI-TOFMS

As matrizes ultrapuras para a análise proteômica por Espectrometria de Massa (MALDI-TOFMS) que se encontram disponíveis na Wako são do ácido a-ciano-4-hidroxicinâmico [CHCA], o ácido sináptico [SA] e o ácido 2,5-dihidroxibenzóico. Mistura-se uma matriz de alta pureza com a amostra a analisar e se realiza a análise da proteína pela técnica conhecida como MALDI-TOFMS. Estas matrizes permitem uma boa caracterização devido ao alto grau de pureza que se obtém por recristalização que deixa o espectro mais limpo e se pode ler com facilidade os picos de baixa intensidade correspondentes a fragmentações que no caso de espectros com muito ruído não são detectados.

Bibliografia:

1) Shimizu Y. Inoue A. Tomari Y. Suzuki T. Yokogawa T. Nishikawa K. Ueda T., Nature Biotechnology, 19, 751, 2001.

2) Shevchenko, A., et al., Anal.Chem., 68, 850, 1996.

3) Fernandez-Patron, et al., Anal. Biochem., 224, 263, 1995.

REAGENTES PARA LABORATÓRIOS:

Triglicerídeos-LabAssay Vetor de expressão de proteínas fluorescentes básicas Evrogen Lisil endopeptidase
Triglicerídeos LabAssay
Vetor de expressão de proteínas fluorescentes básicas Evrogen Lisil endopeptidase

Lisa.jpg
Por: Lisa Komski Em: Produtos Wako